A Confusão Sobre o colesterol - O colesterol não é o nosso inimigo

A Confusão Sobre o colesterol - O colesterol não é o nosso inimigo

O que é o colesterol?

O colesterol é uma substância "cerosa" geralmente produzida pelo nosso fígado. Sem a qual não podemos viver; o que é dizer que o colesterol é vital para muitas funções em nosso corpo. Você precisa de colesterol para ajudar seu cérebro, pele e outros órgãos a crescer e a trabalhar do jeito que devem.

Nossa célula corporal tem colesterol na sua camada externa. O colesterol é um lípido que é criado pelo organismo para proteger a membrana celular; seu corpo precisa disso para muitas coisas, como fazer novas células. O colesterol normal é importante para o reparo e desenvolvimento celular. Quando a quantidade de colesterol aumenta ou diminui, as células são afetadas.

Confusão sobre o colesterol

O excesso de colesterol se acumula na corrente sanguínea. Isso acontece como resultado da inflamação em seu corpo que seu colesterol está constantemente combatendo. Portanto, você não deve combater o sistema de defesa do corpo (colesterol), mas sim chegar à raiz do problema.

O estresse e consequentemente a inflamação são provavelmente motivos para níveis elevados de colesterol. Livrar-se do estresse e fortalecer seu sistema imunológico ajudará a reduzir o colesterol naturalmente.

Gordura saturada e colesterol necessários para a função celular adequada e saúde cerebral

Nossos corpos realmente exigem gordura saturada e colesterol para metabolismo adequado, saúde cerebral, equilíbrio hormonal e homeostase celular. Sem estes dois componentes nutricionais importantes, pode surgir uma cascata de problemas de saúde, incluindo condições cerebrais debilitantes, como Alzheimer e Parkinson.

Consequentemente, a inflamação e o estresse são os principais motivos de níveis elevados de colesterol. O fortalecimento do sistema imunológico e a eliminação do estresse reduzirão seu colesterol naturalmente.

8 maneiras naturais de reduzir o colesterol naturalmente

Óleo Essencial De Canela

Os principais componentes da canela são o cinamaldeído, a goma, o tanino, o manitol, as cumarinas e os óleos essenciais conhecidos como aldeídos, eugenol e pineno. Estudos recentes descobriram que o consumo de 1/2 colher de chá de canela a cada dia pode reduzir os níveis de açúcar no sangue, colesterol e triglicerídeos em até 20%.

Azeite

Este ingrediente de cozinha comum pode ajudar sua saúde. O azeite é cheio de ácidos graxos monoinsaturados saudáveis ​​para o coração (MUFAs), que reduzem o colesterol LDL - e têm o efeito colateral positivo de cortar a gordura da barriga. Use-o para fazer seus próprios molhos de salada, marinar frango e peixe, ou vegetais assados.

Aveia e Cevada

A aveia e a cevada são ricas em forma de fibra solúvel chamada betaglucano. Uma vez ingerido o betaglucano produz um gel que ajuda a unir o colesterol nos intestinos e evitar que ele seja absorvido. Recomenda-se que comamos cerca de 3g de betaglucano por dia. Os alimentos que contêm 1 g ou mais de betaglucano podem levar uma reivindicação de redução de colesterol.

Alho

Foi comprovado que o alho reduz o colesterol, previne coágulos sanguíneos, reduz a pressão arterial e protege contra infecções. Agora, a pesquisa descobre que ajuda a parar a placa de obstrução da artéria no seu primeiro estágio, impedindo as partículas de colesterol de se agarrar nas paredes das artérias. Experimente dois ou quatro dentes-de-alho frescos por dia.

Canela

Em um estudo, os pesquisadores descobriram que cerca de ½ colher de sopa de canela cortaram diariamente o colesterol total em 26 por cento. A canela é também uma excelente maneira de fazer com que os alimentos saudáveis ​​para o coração, como o queijo cottage com baixo teor de gordura ou o iogurte grego, tenham um sabor excelente e, se você polvilhar a canela no seu prato de aveia ou outros alimentos, você vai potencializar o seu café da manhã no combate ao colesterol.

Vitamina C

A vitamina C é um poderoso antioxidante que ajuda a reduzir a inflamação. A vitamina C ajuda a limpar os vasos sanguíneos. Isso desencadeia uma enzima que quebra o colesterol e os triglicerídeos em ácidos graxos livres. Este processo ajuda a evitar que os depósitos de gordura se apeguem às paredes das artérias, que são mais conhecidos por reduzir a eliminação do fluxo sanguíneo para o coração e o cérebro.

Abacates

Em um estudo do Instituto Mexicano do Seguro Social do México, mulheres e homens que comeram um abacate por dia durante uma semana tiveram uma redução no colesterol total de 17%. (9)
Os detalhes surpreendentes: enquanto seus níveis de LDL e triglicerídeos não saudáveis ​​caíram, bons níveis de HDL realmente aumentaram, talvez, os altos níveis de "boa" gordura monoinsaturada do abacate. Esta fruta gordurosa também está cheia de beta-sitosterol que reduz o colesterol.

Nenhum comentário:

Postar um comentário