8 Benefícios do Whey Protein para a saúde

8 Benefícios do Whey Protein para a saúde
Não importa quais sejam seus objetivos, o Whey Protein pode lhe ajudar.

Na verdade, muitas vezes é um suplemento necessário para quem está tentando soltar gordura corporal, construir músculos, ganhar melhor desempenho ou aumentar a saúde geral e bem-estar.

O Whey Protein em pó tornou-se conhecido há aproximadamente 20 anos.

Introduzido pela primeira vez no mercado de musculação, eles são fonte de alta qualidade de proteína para construção de músculos e com um gosto muito bom.

Antes disso, proteínas em pó tinham um gosto horrível e não digeria bem, causando mais gás e inchaço do que qualquer outra coisa.

Hoje, uma vez considerada uma fórmula secreta para atletas sérios e fisiculturistas, está ganhando popularidade para qualquer um que quer adicionar mais proteína em sua dieta regular.

O que é Whey Protein?

Whey Protein é uma proteína completa, naturalmente encontrada no leite.

Ela contém todos os aminoácidos que o corpo necessita e é a melhor fonte de aminoácidos de cadeia ramificada (BCAA), que inclui leucina, um aminoácido conhecido por desempenhar um papel fundamental na síntese muscular.

A Whey Protein é feita durante o processo de fabricação de queijo, que começa quando uma enzima especial é combinada com leite.

A enzima faz com que o soro líquido e a coalhada se separem.

As coalhadas são usadas para fazer queijo enquanto o soro de leite líquido é seco em pó para diferentes usos.

Por que Whey Protein?

Você sabia que nosso corpo é composto principalmente de proteína?

Nossas unhas, cabelos, ossos, órgãos, nervos, ligamentos, órgãos e músculos são todos feitos de proteína!

Em nossa vida diária (além das lesões, entorses, fadiga muscular), nossos tecidos desgastam e devem ser reparados e substituídos. A fim de fazer isso, você precisa fornecer seu corpo com um fornecimento constante de proteínas de alta qualidade.

Quando falamos de proteína de alta qualidade, não estamos relacionando bacon, cachorros quentes e outras carnes processadas que estão cheias de gorduras saturadas.

Essas fontes de proteína "menos magras" podem retardar o metabolismo e obstruir as artérias.
Para resumir, elas não são a melhor fonte de proteína para o seu corpo.

As fontes de proteínas magras, como frango sem pele e peito de peru, ovos brancos e whey protein são as suas melhores apostas para o consumo de proteínas.

Por que Whey Protein?

Quando se trata de escolher a melhor fonte de proteína, há duas coisas a considerar - o "valor biológico" do alimento e a "qualidade da proteína".

A qualidade da proteína dietética é um fator importante para determinar que tipo de proteína é o mais valioso e benéfico quando se trata de como o corpo o decompõe e seu conteúdo nutricional.

Por outro lado, de acordo com Wikipédia o valor biológico (BV) refere-se a "medida da proporção de proteína absorvida de um alimento que se incorpora nas proteínas do corpo do organismo. Captura como prontamente a proteína digerida pode ser usada na síntese da proteína nas células do organismo. As proteínas são a principal fonte de nitrogênio nos alimentos".

Quando se trata de valor biológico, o whey protein revela-se a mais alta em valor (104) em relação à carne de bovino (80), peixe (79), soja (74) e feijão (49).

Além disso, todos os aminoácidos de cadeia ramificada encontrados no whey protein como isoleucina, leucina, valina, glicina e arginina ajudam a promover a cicatrização da pele, músculos, ossos e tecidos conectivos.

O whey protein contém a maior quantidade de BCAA de qualquer outra proteína na natureza.

Diferentes tipos de Whey Protein

O Whey Protein vem em três tipos:
  • Whey Protein Concentrado
  • Whey Protein Isolado
  • O Whey Protein hidrolisado
Cada um dos tipos listados varia em seu grau de processamento.

O Whey Protein concentrado é o menos processado entre os três.

Por causa disto, é muito mais barato do que outros tipos, que o torna o tipo preferido das pessoas.

Este tipo sofre filtração suave chamado ultrafiltração - um processo que cria suplemento com cerca de 70% de proteína, com os restantes 30% sendo gordura e carboidratos.

O Whey Protein Isolado é mais embalado com proteína do que concentrado.

Ele sofre processo de filtragem mais longo, como cromatografia de troca iónica e microfiltração de fluxo cruzado, o que o torna um pó mais repleto de proteína.

O Whey Protein concentrado e o Whey Protein Isolado oferecem benefícios de saúde, mas sua diferença é que a forma isolada contém mais proteína por grama porque outros componentes, como gorduras, lactose, vitaminas e minerais são removidos.

O Whey Protein hidrolisada é produzido quando as cadeias de proteínas são divididas em cadeias menores chamadas peptídeos.

Este tipo de Whey Protein é comum em suplementos protéicos médicos, fórmulas infantis e bebidas esportivas.

Benefícios para a saúde do Whey Protein

Agora que você aprendeu os diferentes tipos de Whey Protein, aqui estão algumas razões pelas quais as pessoas estão usando.

Mantém o peso saudável

Como parte de uma dieta rica em proteínas, o Whey Protein pode ajudar com a manutenção do peso.
Com base em provas clínicas, as dietas ricas em proteínas podem ajudar a preservar a massa magra e manter uma melhor composição corporal.

O Whey Protein é uma excelente fonte de proteína de alta qualidade e, portanto, é altamente valorizado como parte dos alimentos de gerenciamento de peso.

A ciência está reconhecendo cada vez mais que as dietas mais ricas em proteínas fornecem uma chave para a perda de peso.

Estudos mostram que whey protein, peptídeos e minerais podem promover a perda de peso através de influenciar o equilíbrio do açúcar no sangue, aumentando a saciedade e mantendo a massa corporal mais magra.

Se você seguir uma dieta mais rica em proteínas depois de perder peso, você só vai ganhar peso na forma de músculos.

Além disso, pode ajudar na manutenção do peso, promovendo a termogênese e saciedade, melhorando a composição corporal e aumentando a eficiência energética.

Reduz a fome

Consumir mais proteína pode ajudar as pessoas a comer menos, uma vez que a proteína, como parte de uma dieta rica em proteínas, melhora a sensação de saciedade em relação à gordura ou carboidratos.

Na verdade, há uma evidência mostrando que um aumento no consumo de proteína pode levar a menor ingestão calórica total e peso corporal.

Uma pesquisa avalia o papel do glycomacropeptide (GMP), um ingrediente do whey em suprimir o apetite.

GMP é o componente que é separado junto com o whey.

Em estudos com animais, os pesquisadores descobriram que a GMP pode estimular um determinado hormônio intestinal que inibe as secreções gástricas, inibe o esvaziamento gástrico e melhore a saciedade.

Constrói músculo magro

Com o exercício de resistência regular, o whey protein pode ajudar a maximizar o crescimento muscular.

Sendo uma das melhores fontes de aminoácidos de cadeia ramificada (BCAA), o whey protein aumenta a taxa do corpo de construir músculo magro.

Como uma proteína completa, fornece os aminoácidos essenciais necessários para maximizar os benefícios de seu programa de exercícios.

O whey protein é uma das principais fontes de Leucina, um tipo de BCAA pensado para estimular o crescimento muscular.

A maioria dos aminoácidos são primeiro quebrados no fígado e mais tarde, no tecido muscular.
Mas no caso de BCAA, eles contornam o fígado e atuam diretamente no tecido muscular.

Os cientistas têm revelado como a Leucina age como o sinal de aminoácidos para "ligar" ou iniciar a síntese protéica nos músculos.

Como tal, os especialistas recomendaram que as pessoas que fazem exercício regular sigam uma dieta rica em Leucina para ajudar a acelerar a reconstrução dos músculos após um treino.

Uma maneira de fazer isso é através da inclusão de whey protein em sua dieta.

Estudos mostram que tomar whey protein em combinação com o exercício pode aumentar a taxa do corpo construir músculo magro.

Além disso, a ingestão de proteínas com exercício de resistência tem sido revelada para ser mais eficaz no aumento da construção muscular do que a combinação de carboidratos e exercícios de resistência.

Melhora a recuperação do exercício

O que você come depois de se exercitar é muito importante para maximizar os benefícios de sua rotina de exercícios.

Incorporando whey protein em seu plano pós-treino pode ajudá-lo a manter-se no caminho certo.
O whey protein pode ajudar a reparar tecidos musculares após o exercício.

Estudos mostram que consumir whey protein durante ou após o exercício pode promover a força muscular, apoiar a função muscular e evitar a fadiga muscular.

Quando você se exercita, o músculo se rompe e tomando whey protein após o exercício pode ajudar a reconstruir os músculos, aumentando a síntese muscular.

Uma pesquisa recente sugere tomar whey protein para ajudar a reduzir a dor do músculo e para melhorar o desempenho e a função do músculo em seu exercício seguinte.

O exercício intensivo pode reduzir as reservas de glicogênio.

Se o glicogênio não é reabastecido após o exercício, o seu próximo treino poderia ser mais desafiador.

Comer carboidratos e whey protein em conjunto pode ajudar a acelerar o reabastecimento de glicogênio em seus músculos.

Previne a perda muscular

Numerosas evidências revelam que whey protein contém muitas substâncias bioativas que podem ter efeito benéfico sobre a saúde cardiovascular, imunidade, saúde óssea, perda de massa muscular e saúde geral dos adultos à medida que envelhecem.

O whey protein parece atender bem às necessidades exclusivas dos idosos.

Adultos idosos devem prestar muita atenção para manter a massa muscular, uma vez que doenças crônicas, a diminuição da atividade física e deficiências nutricionais podem contribuir para o desenvolvimento de Sarcopenia.

Afetando 30% da população mais idosa, a Sarcopenia é uma condição progressiva onde há 3% a 8% de redução da massa muscular magra cada 10 anos após a idade de 30.

Os músculos envelhecidos tendem a ser menos responsivos aos aminoácidos em comparação com os músculos mais jovens.

Como tal, ter mais do que a ingestão diária sugerida de proteína (0,8 gramas por kg de peso corporal) poderia ser favorável para os mais idosos para ajudar a atender às suas necessidades fisiológicas e metabólicas.

Tempo e qualidade também são fatores muito importantes a ter em conta.

Especialistas recomendam consumir 20 a 30 gramas de proteína de qualidade superior a cada refeição para ajudar os idosos a maximizar a capacidade de construir músculos e diminuir a perda muscular associada ao envelhecimento.

Aumenta a imunidade

Evitar doenças e enfermidades depende em grande medida de imunidade forte.

O envelhecimento, estilo de vida ocupado e exercício são todos os fatores que comprometem a nossa função imunológica.

Consumir alimentos saudáveis ​​e ricos em nutrientes pode impulsionar nosso sistema imunológico, mas os pesquisadores sugerem que é necessário mais do que uma dieta saudável e equilibrada para otimizar nossa função imunológica para prevenir doenças e manter uma boa saúde.

Em comparação com outras fontes de proteína, o whey protein é único, devido à sua capacidade de reforçar certos aspectos-chave do nosso sistema imunológico.

Embora os mecanismos exatos ainda não tenham sido totalmente compreendidos, o whey protein tende a otimizar a função imunidade aumentando a produção de glutationa (GSH).

A glutationa é o principal antioxidante do sistema de defesa do corpo.

GSH é o componente chave na regulação de diferentes funções imunológicas.

Por exemplo, a glutamina muscular é um combustível vital para o sistema imunológico.

Assim, a incorporação de whey protein na dieta pode ajudar a impulsionar a imunidade forte e proteger a saúde de pessoas de todas as idades.

Promove a saúde óssea

Pesquisas emergentes indicaram que o aumento da ingestão de proteína pode diminuir a perda de mineral ósseo e o risco de fratura entre mulheres idosas.

Em comparação com a proteína vegetal, a proteína animal demonstrou ser facilmente absorvida.
Agora, o maior desafio é fornecer proteína animal suficiente que seja fácil de digerir pelo organismo.

Entre as proteínas animais comercialmente disponíveis, o whey protein oferece a mais ampla gama de aplicação de alimentos, desde shakes de proteína, barras, cereais e muitos mais.

A ingestão de cálcio sugerida para adultos com 51 anos ou mais é de 1.200 mg por dia.

Whey protein oferece até 800 mg de cálcio por 100 gramas, dependendo do tipo de whey.

Whey protein é uma excelente fonte de cálcio dietético.

Aumentar a ingestão de cálcio através do consumo de whey protein pode beneficiar os idosos de duas maneiras:
  1. O cálcio é geralmente recomendado como forma de manter a massa óssea.
  2. O cálcio é importante para suprimir o crescimento de células de gordura, o que leva ao ganho de peso

Suporta o sistema cardiovascular saudável

Pesquisas de Tânia Tavares e Xavier Malcata revelam que o whey contém uma grande quantidade de substâncias bioativas que podem ter efeito benéfico na saúde cardiovascular.

Tais estudos mostram que certos peptídeos podem ter efeito positivo em indivíduos hipertensos.

Estes peptídeos de whey protein podem ajudar a reduzir os níveis de colesterol e prevenir o acúmulo de placa nos vasos sanguíneos.

Além disso, mostra que os peptídeos de whey têm algumas propriedades anti-hipertensivas, especificamente na inibição da enzima de conversão de angiotensina (ACE), um tipo de enzima que faz com que os vasos sanguíneos se contraem, aumentando assim a pressão sanguínea.

Além disso, o whey protein também contém magnésio, cálcio, vitaminas B e zinco - todos estes nutrientes essenciais ajudam a possuir propriedades de saúde benéficas para o sistema cardiovascular.

O Whey protein pode ser encontrado em misturas de bebida, iogurte, pós, barras de energia e outros alimentos.

Para determinar se um produto contém whey, consulte a lista de ingredientes.

Certifique-se de que há Whey protein perto do início da lista.

É melhor um lanche de proteína em vez de carboidratos, gorduras ou doces açucarados.

Não se esqueça de ficar dentro do seu limite diário de proteínas, uma vez que o excesso se converte em gorduras.

Às vezes, causa problemas digestivos, como gás, náuseas e diarreia.

Consumir Whey protein durante o treino oferece um melhor desempenho; consumir um shake pós-treino ajuda a reduzir a dor muscular e ajudar a construir músculos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário