A visão da pitaia, fruta do dragão fresca, vermelha e deliciosa pode estimular seus desejos enquanto você está gravida, mas seu cérebro o interrompe e lembra de ter cuidado extra com o que você come.

Ao optar por comer pitaia ou qualquer alimento novo, você precisa saber se é seguro para mulheres grávidas e se tem algum benefício para a saúde.

Então, leia nosso artigo abaixo e saiba mais sobre como comer pitaia, fruta do dragão durante a gravidez.

É Seguro Comer Pitaia (Fruta do Dragão) Durante a Gravidez?

O que é uma pitaia (fruta do dragão)?

A fruta do dragão, amplamente popular como pitaia, pertence originalmente ao gênero dos cactos Hylocereus e é nativa do México, América Central e América do Sul. No entanto, hoje você pode encontrar essa deliciosa fruta escamosa em todas as partes do mundo.

Está disponível em variedades agridoces, dependendo da espécie. A pitaia possui uma textura semelhante ao kiwi e contém pequenas sementes pretas (1).

É seguro comer pitaia durante a gravidez?

Sim, você pode comer a pitaia, fruta do dragão enquanto gravida e satisfazer o seu desejo por essa iguaria. De fato, comer pitaia é altamente benéfico para você e para a saúde de seu feto.

Os nutrientes da pitaia, fruta do dragão não apenas garantem uma gravidez saudável, mas também protege o feto de vários defeitos e doenças congênitas. Então, faça questão de comer uma quantidade adequada de pitaia, fruta do dragão vermelho durante a gravidez (2).

Benefícios para a saúde de comer pitaia durante a gravidez:

A pitaia, fruta do dragão não satisfaz apenas o desejo por alimentos durante a gravidez, mas também proporciona vários benefícios para a saúde, alguns dos quais incluem:

1. Previne defeitos congênitos

O folato é um dos nutrientes vitais que são essenciais durante a gravidez.

A pitaia, fruta do dragão contém boas quantidades de folato que ajuda a proteger o feto de defeitos do tubo neural de forma eficaz. Além disso, a fruta nutritiva está repleta de várias vitaminas benéficas, como vitamina B1, vitamina B2, vitamina B3, vitamina C e outras vitaminas, que promovem saúde, crescimento e desenvolvimento fetal adequados (3).

2. Promove o desenvolvimento ósseo

O teor de cálcio na pitaia, fruta do dragão ajuda a fortalecer os ossos e dentes durante a gravidez. Além disso, cálcio e fósforo na fruta garantem o desenvolvimento adequado dos ossos do feto enquanto gravida.

3. Aumenta a hemoglobina

A pitaia, fruta do dragão contém quantidades elevadas de ferro e vitamina C que ajudam a aumentar substancialmente a contagem de hemoglobina durante a gravidez. Bons níveis de hemoglobina impedem o risco de desenvolvimento de anemia e seus efeitos adversos (4).

4. Trata a constipação

O teor de fibras na pitaia, fruta do dragão ajuda a promover a digestão suave, evacuações suaves e previne o risco de problemas de constipação durante a gravidez. Além disso, os nutrientes na fruta fornecem efeitos de limpeza e impedem o desenvolvimento de vários distúrbios digestivos.

5. Previne Infecções Microbianas

As propriedades antibacterianas e antifúngicas das deliciosas frutas inibem o crescimento de infecções bacterianas e fúngicas em seus órgãos e o ajudam a combater infecções bacterianas e fúngicas prejudiciais durante a gravidez.

Além disso, o consumo de pitaia, fruta do dragão enquanto grávida promove a regeneração celular e a cicatrização de lesões e feridas de forma eficaz (5).

6. Previne Câncer

O alto teor de antioxidantes e vitamina C da pitaia, fruto do dragão ajuda a neutralizar a atividade dos radicais livres, aumenta sua imunidade e previne o risco de desenvolvimento de câncer durante a gravidez. Além disso, o teor de caroteno na fruta nutritiva fornece benefícios anticarcinogênicos e inibe o crescimento do tumor (6).

7. Suprimentos de Energia

O carboidrato é uma fonte crucial de energia que você precisa para o crescimento adequado do feto.

A pitaia, fruta do dragão é uma fonte natural de carboidratos que fornecem energia suficiente durante a gravidez. Apenas 100 gramas da deliciosa fruta fornecem cerca de 9 a 14 gramas de carboidratos (7). Este não é um dos grandes benefícios da pitaia durante a gravidez?

8. Uma fonte saudável de gorduras

As gorduras na pitaia, fruta do dragão não só fornecem energia, mas também promovem a formação do cérebro de seu feto.

Apenas uma porção da fruta fornece cerca de 0,1 a 0,6 gramas de gorduras, com destaque para as gorduras monoinsaturadas.

Você comeu pitaia, fruta do dragão durante a gravidez? Como você se beneficiou? Compartilhe sua experiência com outras futuras mães. Deixe um comentário abaixo.

Postar Comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

Postagem Anterior Próxima Postagem