A pancreatite é uma condição grave caracterizada pela inflamação do pâncreas. É o pâncreas que produz insulina, que é necessário para a utilização de açúcar no sangue. Seu pâncreas também é responsável pela produção de enzimas digestivas que são necessárias para a quebra de alimentos e absorção de nutrientes.

Certos alimentos podem piorar a dor abdominal devido à pancreatite, por isso é importante escolher a dieta adequada para os sintomas da pancreatite, para ajudá-lo a recuperar-se desta condição dolorosa.
Quando você tem pancreatite crônica, é difícil produzir enzimas digestivas, o que leva a disfunção pancreática e má absorção de nutrientes.

A maioria das pessoas com pancreatite crônica ou aguda apresenta dor abdominal superior esquerda como principal sintoma. Outros sintomas incluem febre, indigestão, soluços, inchaço com o abdômen inchado, perda de peso involuntária, pulso rápido, sensibilidade abdominal e náusea ou vômito.

O que você deve comer para prevenir a inflamação do pâncreas? Leia sobre como discutimos alimentos para comer e alimentos para evitar em uma dieta amigável ao pâncreas. Incluiremos também um menu recomendado para uma dieta de pancreatite e outras dicas de dieta e mudanças de estilo de vida para prevenir a inflamação do pâncreas. Vamos começar…

Dieta Para Pancreatite: Dicas de Alimentos, Alimentação e Outras Mudanças de Estilo de Vida

Alimentos Para Comer Com Pancreatite Para Evitar a Inflamação

O que você deve fazer após um diagnóstico de pancreatite aguda ou crônica? Inicialmente, seu médico irá recomendar evitar o consumo de alimentos e líquidos por várias horas ou dias.

Quando seu médico permitir que você coma novamente, a meta de uma dieta adequada para pancreatite é evitar deficiências nutricionais e desnutrição, regular os níveis de açúcar no sangue e proteger contra o câncer pancreático, problemas hepáticos e renais e sintomas agudos de pancreatite.

Como resultado, uma dieta saudável e rica em nutrientes para pancreatite incluirá:
  • Legumes como beterraba, brócolis, alface, couve, batata doce, cenoura e espinafre
  • Frutas como mirtilos, cerejas, melancia, uvas vermelhas, mangas, maçãs, romã e ameixas pretas
  • Grãos sem glúten como arroz integral, trigo mourisco, polenta, painço, tefe e amaranto
  • Nozes como amêndoas, nozes e pistaches
  • Sementes como sementes de girassol e sementes de abóbora
  • Fontes de proteína magra como peixes selvagens, aves alimentadas com capim, ovos orgânicos e leguminosas (grão de bico, lentilhas, feijão mungo)
  • Fontes lácteas com baixo teor de gordura (se não forem alérgicas), como kefir, queijo cottage, leite de cabra e iogurte grego
  • Alimentos probióticos como kombucha, kimchi e chucrute

Outros Alimentos Para Ajudar a Diminuir a Inflamação do Pâncreas

O que mais você deve comer para reduzir a inflamação do pâncreas? Muitos dos alimentos na dieta da pancreatite são muito semelhantes aos encontrados na dieta mediterrânea, incluindo saladas, polenta, nozes e sementes, peixes selvagens como salmão e gorduras vegetais saudáveis, como azeite de oliva e óleo de coco.

A pesquisa também sugere que algumas pessoas com pancreatite podem lidar com até 30% a 40% de suas calorias provenientes de gordura quando se trata de fontes vegetais completas ou triglicerídeos de cadeia média (TCMs), como o óleo TCM. Os TCMs podem ajudar na absorção de nutrientes. Considere limitar seu consumo de gordura a cerca de 30 g a 50 g ou menos de gordura por dia.

Inflamação do Pâncreas: Alimentos a Evitar

Quais são os alimentos a evitar para reduzir a inflamação do pâncreas? Existem alguns fatores a considerar quando se trata de estabelecer uma dieta para pancreatite. Por exemplo, carboidratos refinados podem levar à liberação de quantidades maiores de insulina pelo pâncreas.

Alimentos ricos em açúcar também aumentam os triglicérides, e esse é um fator de risco para pancreatite aguda.

O seguinte é um bom guia para os alimentos para evitar uma melhor saúde do pâncreas:
  • Alérgenos conhecidos ou suspeitos, como milho, laticínios, soja, trigo e adoçantes artificiais
  • Estimulantes conhecidos como álcool, cafeína e tabaco
  • Alimentos fritos como batatas fritas, chips, frituras e qualquer coisa frita
  • Alimentos açucarados, como refrigerantes, doces e outras bebidas com adição de açúcar
  • Produtos de farinha branca, como pão branco, massas, doces, bolachas, biscoitos, muffins e outras sobremesas com adição de açúcar
  • Carnes processadas como cachorros-quentes, carne enlatada, presunto, carne seca e salsichas
  • Alimentos trans-gordurosos e gordurosos como donuts, margarina, manteiga, laticínios integrais, maionese, gordura e óleos vegetais parcialmente hidrogenados

Outros Alimentos Que Causam Pancreatite

Que outros alimentos você deve evitar para reduzir a inflamação do pâncreas? Em geral, evite alimentos processados ​​e alimentos ricos em gordura, como hambúrgueres de fast food, pizza e batatas fritas. Estes alimentos são notoriamente problemáticos para quem sofre de pancreatite.

O pâncreas é necessário para a digestão da gordura e, portanto, os alimentos ricos em gordura farão com que o pâncreas trabalhe muito mais.

Embora gorduras saudáveis ​​como o azeite de oliva sejam melhores, você ainda deve ouvir o seu corpo e reconhecer quais alimentos fazem com que você se sinta saudável e livre de seus sintomas de pancreatite dolorosa.

Dicas de Dieta Para se Recuperar de um Pâncreas Inflamado

Na melhor dieta para pancreatite, há alguns pontos importantes a ter em mente. As dicas de dieta a seguir ajudarão você a se recuperar de um pâncreas inflamado:
  • Consuma refeições menores e mais frequentes. Comer seis vezes ao dia pode funcionar melhor do que comer três refeições por dia.
  • Consumir uma dieta moderada em gordura. Enquanto alguns toleram 30% a 40% de suas calorias de gordura, outros fazem melhor com 25% de suas calorias de gordura. Recomenda-se cerca de 30 g de gordura por dia, embora algumas pessoas possam chegar a 50 g por dia.
  • Evite o consumo excessivo de fibras ao mesmo tempo. Demasiada fibra pode retardar a digestão e prejudicar a absorção de nutrientes.
  • Tome um multivitamínico de alta potência para certificar-se de que você está recebendo os nutrientes que o corpo precisa. Procure um multivitamínico com vitamina A, vitamina B12, vitamina D, vitamina E, vitamina K, folato e zinco.

Exemplo de Menu Para Uma Dieta Amigável ao Pâncreas

Qual é o melhor cardápio para uma dieta com pancreatite? Sua dieta diária deve incluir três porções de grãos integrais sem glúten, cinco a sete porções de vegetais, duas a três porções de frutas, uma a duas porções de nozes e sementes e uma a duas porções de proteína animal magra.

A seguir, um exemplo de um menu para uma dieta compatível com pâncreas:
  • Café da manhã: Um smoothie matinal com três xícaras de espinafre, uma xícara de mirtilo, duas colheres de sopa de semente de linhaça moída, uma xícara de aveia sem glúten e duas xícaras de água.
  • Lanche da manhã: uma maçã com manteiga de amêndoa. Um copo de água ou chá de ervas.
  • Almoço: Salada de alface romana com um quarto de xícara de feijão preto, um ovo orgânico cozido, um quarto de xícara de quinoa, batata-doce, cenoura desfiada e cebola verde. Um copo de água.
  • Lanche da tarde: um quarto de xícara de sementes de abóbora.
  • Jantar: Um peito de frango, uma xícara de arroz integral e uma xícara de cenouras no vapor. Um copo de água.
  • Lanche da noite: Uma xícara de kefir com um quarto de xícara de uvas. Uma xícara de chá de erva-cidreira ou chá de ervas de camomila para ajudá-lo a dormir.

Mudanças no Estilo de Vida Para Prevenir a Inflamação do Pâncreas

Há mudanças no estilo de vida que também podem ajudar a prevenir a inflamação do pâncreas. A seguir estão as principais mudanças no estilo de vida para você considerar:
  • Evite o álcool: algumas pessoas com pancreatite crônica são dependentes de álcool. O álcool também é conhecido por aumentar os danos e a dor associados à pancreatite.
  • Parar de fumar: se você fuma, parar vai ajudar muito. Práticas mente-corpo podem ajudá-lo a parar de fumar, incluindo acupuntura, tai chi e hipnose. Suco de limão e óleo essencial de pimenta preta também podem ajudar.
  • Mantenha-se hidratado: Beba pelo menos 1 copo de água filtrada por 5 quilos de peso corporal diariamente.
  • Pratique o relaxamento e a redução do estresse: exercícios de meditação e respiração profunda podem ajudar a aliviar a dor e o estresse. Além disso, a adição de yoga à sua rotina de exercícios pode ajudá-lo a melhorar sua qualidade de vida quando sofre de pancreatite crônica. Outras formas de reduzir o estresse incluem passar tempo na natureza, manter um diário e terapia cognitivo-comportamental.

Considerações Finais Sobre Dieta Para Pancreatite

A pancreatite, ou inflamação do pâncreas, pode produzir sintomas dolorosos como dor abdominal, abdome inchado, sensibilidade abdominal, inchaço e indigestão.

Para prevenir a inflamação do pâncreas, é bom seguir uma dieta para pancreatite. Uma dieta saudável e rica em nutrientes para pancreatite incluirá vegetais, frutas, grãos sem glúten, nozes, sementes e fontes de proteína magras, como peixes selvagens e alimentos probióticos.

Os alimentos a serem evitados para melhorar a saúde do pâncreas incluem alérgenos conhecidos ou suspeitos, álcool e cafeína, frituras, alimentos açucarados, produtos de farinha branca, carnes processadas e gorduras trans.

Além de adotar uma dieta para pancreatite, também é uma boa ideia parar de fumar, manter-se hidratado e praticar técnicas de relaxamento e redução do estresse como ioga, meditação e passar tempo na natureza.

Post a Comment

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!