Demência é o termo genérico para várias doenças que afetam o cérebro. As doenças são nomeadas com base na área do cérebro que elas danificam ou nos sintomas que o dano causa. Existem diferentes tipos de demência, como Alzheimer, doenças de Parkinson, demência vascular e corpos de Lewy (LBD)

Existem quatro fatores essenciais que levam à demência. Estes incluem deficiência de vitamina B12, neurossífilis, hipotireoidismo e doença de Lyme. Outras razões incluem genética e velhice. Nem todos os idosos devem ter demência; de fato, 9 em cada 10 idosos ficam bem até os 90 anos.

A demência não é resultado do envelhecimento, mas se desenvolve devido a danos no cérebro. Esses danos podem ter um impacto significativo em nossa personalidade, movimentos físicos e na capacidade de executar tarefas básicas. O tratamento depende basicamente da causa da doença. Às vezes, é causada por deficiências ou intoxicação de algum tipo; outras, por causa de um acidente. Os sintomas que podem ser revertidos são tratados com medicamentos e alguns remédios naturais. Aqui estão 11 maneiras pelas quais você pode lidar naturalmente com a demência:

11 Remédios Naturais Para Demência

11 Remédios Naturais Para Demência

1. Açafrão

Este pó amarelo é um ingrediente necessário em várias receitas da Ásia do Sul e possui propriedades anti-inflamatórias mágicas. Em uma pesquisa realizada no Japão, os pesquisadores descobriram que o açafrão, a cúrcuma não lida apenas com sintomas de demência, mas também pode melhorar a função cognitiva geral do cérebro. Por uma questão de fato, há uma incidência muito menor de demência nos asiáticos, pois não é apenas uma grande parte de sua culinária, mas também um ingrediente ativo na medicina chinesa e ayurvédica.

2. Sálvia

A sálvia (Salvia officinalis) é uma erva que às vezes é usada para causar efeitos alucinógenos. Pode ser mastigada, defumada ou usada em chás. Se usada na quantidade certa e da maneira certa, pode estimular o fluxo sanguíneo no cérebro, o que está relacionado ao bom funcionamento do cérebro e à melhor retenção de memória. A pesquisa mostrou que também pode reduzir o fator de risco do declínio no funcionamento.

3. Vitamina E

Pesquisas mostram que consumir vitamina E pode ajudar com os sintomas da doença de Alzheimer, mas também é importante tomá-la na dose certa. Caso contrário, pode ter efeitos adversos na saúde do coração. Antes de se comprometer com qualquer remédio caseiro ou novo produto, discuta-o com seu médico.

4. Couve

A couve é famosa por carotenóides e folato, os quais têm um enorme impacto em nossa saúde geral. Eles são encontrados para reduzir os níveis de homocisteína em nossos corpos, que podem levar a danos cerebrais. É uma ótima ideia incluí-lo em sua dieta diária para um corpo saudável e uma mente saudável.

5. Espinafre

Comer folhas verdes como espinafre não pode apenas diminuir o risco de demência, mas também ajudá-lo a melhorar sua memória. Você pode alternar espinafre com couve em sua dieta, pois uma porção de espinafre todos os dias pode ajudá-lo a manter sua saúde física e cognitiva.

6. Abóbora

Se você é como a maioria das pessoas, é provável que só veja abóboras durante a temporada de Halloween. Este produto não é apenas uma fruta que você pode usar apenas para decoração. Tem inúmeros benefícios que podem ajudá-lo a levar uma vida saudável. A abóbora é uma fruta rica em fibras, potássio, vitamina B3 e vitamina E, juntamente com muitos outros nutrientes importantes para a saúde. Os fitonutrientes encontrados nas abóboras são responsáveis ​​por proteger nosso cérebro. Isso inclui betacaroteno e luteína, que são ótimos para nosso conhecimento e combate à demência.

7. Ginkgo biloba

Ginkgo biloba, de origem chinesa, é uma árvore considerada um fóssil vivo, pois existia já no tempo dos dinossauros, há mais de 200 milhões de anos. É símbolo de paz e longevidade por ter sobrevivido às explosões atômicas no Japão. É uma planta sem flores que também é conhecido como Ginkgo biloba. Esta planta é a última do gênero, o resto foi extinto. Existem evidências mistas que mostram que o extrato desta planta pode ajudar a aliviar os sintomas de demência. Independentemente disso, é um dos remédios naturais mais usados ​​para demência.

8. Óleo de Peixe

Óleo de peixe derivado dos tecidos de peixes oleosos ricos em ácidos graxos ômega-3. Estudos comprovam que o óleo de peixe pode reduzir as chances de comprometimento cognitivo e protegê-lo contra a doença de Alzheimer. O ômega-3 ajuda a reduzir a placa beta-amilóide, o que ajuda a prevenir a doença de Alzheimer.

9. Banana

As bananas são deliciosas e uma ótima fonte de fibras e proporcionam um aumento instantâneo de energia. O potássio é um nutriente essencial para a transmissão de mensagens do cérebro, e as bananas são conhecidas por seu alto teor de potássio. Também é excelente para ajudar a manter o foco, reter a atenção e melhorar a memória.

10. Canela

Outro ingrediente importante na culinária do sul da Ásia, a canela tem mais benefícios do que você imagina saber. Ela pode ser usada para tratar condições desagradáveis ​​como indigestão, enxaquecas e cólicas. Além disso, estudos mostram que isso é ótimo para reduzir o risco de Alzheimer. Portanto, se você corre o risco de desenvolver a doença e sabe que pessoas de sua família sofreram com ela, você pode incluir essa especiaria em sua dieta e reduzir suas chances de desenvolver a doença.

11. Amêndoas

As sementes de amêndoa são amplamente cultivadas não apenas pelo sabor, mas também pelos benefícios medicinais. Existem inúmeros remédios caseiros que envolvem amêndoas neles. Essas pequenas sementes são ricas em nutrientes que podem ajudar seu corpo de várias maneiras. A pesquisa ainda prova que comer amêndoas pode impedir a perda de memória e melhorar suas habilidades cognitivas. Elas são ricas em vitamina E e podem combater a demência.

Conclusão

Perder sua memória ou o controle sobre seu corpo é uma coisa muito triste. Se alguém próximo a você está sofrendo da doença, é muito importante não perder a paciência. Como eles não têm como controlar esta doença. Tente tratá-los com amor e carinho e mantenha um ambiente normal para eles.

Manter as coisas como estão as ajudará a reter sua memória e até recuperá-la. A pior parte é que algumas das doenças sob demência são irreversíveis e só pioram com o tempo. Portanto, é necessário manter uma dieta saudável e garantir que você não esteja tendo nenhuma deficiência. Você precisa ter cuidado extra se estiver em risco de contrair a doença. Como às vezes a causa da demência pode ser gerada em genética, você precisa tomar cuidado extra com o que coloca na boca.

Postagem Anterior Próxima Postagem